Japan House São Paulo é opção de passeio gratuito em janeiro

Japan House São Paulo é opção de passeio gratuito em janeiro

Para quem passeia em São Paulo ou para quem está em outros Estados, a instituição nipônica oferece exposições e atividades presenciais e virtuais para todas as idades

 Com a chegada das férias escolares, a Japan House São Paulo destaca uma programação variada tanto na sua sede, na Avenida Paulista, quanto no seu site e redes sociais para quem quer curtir atividades gratuitas presenciais ou à distância, sempre ligadas à cultura japonesa.

Em janeiro, os destaques são as exposições recém-inauguradas “Simbiose: a ilha que resiste” e “Sopros – designs de vidros japoneses”. A primeira, localizada no segundo andar, trata sobre a revitalização da ilha de Inujima, localizada ao sul do Japão, por meio da arte e da arquitetura. Sob o comando da curadora Yuko Hasegawa e da arquiteta Kazuyo Sejima, a pequena ilhota hoje é marcada pela relação harmoniosa entre o ecossistema local e os moradores, entre o passado e o presente. Já o projeto “Sopros” traz mais de 300 objetos utilitários de vidros confeccionados a partir da técnica tradicional do Edo Glass, característica da região de Tóquio e que se mantém até hoje como um dos símbolos da produção de vidro regional e patrimônio nacional do Japão.

Também é possível fazer visitas mediadas às exposições, conduzidas pela equipe do Educativo da JHSP, nos dias 12, 14, 19, 21, 26, 28 de janeiro (quartas e sextas), às 11h30 para “Sopros – designs de vidros japoneses” e, às 15h, para “Simbiose: a ilha que resiste”. Para participar é preciso retirar senhas, distribuídas com 15 minutos de antecedência.

Para quem quer aprender algo novo e se divertir ao mesmo tempo, a Japan House São Paulo promove uma série de oficinas gratuitas durante todo o mês, sendo necessário apenas retirar senhas 30 minutos antes de cada atividade para participar. No dia 9 de janeiro (domingo), às 11h30 e às 15h, será realizada a Oficina Kuru Kuru Rainbow para ensinar como fazer este brinquedo que encanta crianças e adultos pelo Japão. A atividade é inspirada na obra Reverse de Yusuke Komuta, que faz parte da exposição “Simbiose: a ilha que resiste”.

No domingo seguinte (16), é a vez de o público se inspirar em outra obra presente na mostra “Simbiose: a ilha que resiste”, a Reflectwo da artista Haruka Kojin, na Oficina Composição com Pétalas de Papel. Em sessões às 11h30 e às 15h, a equipe do educativo da JHSP ensina a criar uma composição utilizando pétalas de flores feitas com papel tingido.

Para homenagear os 468 anos da capital paulista, a Japan House São Paulo promove a oficina Composição com as Paisagens Naturais de São Paulo no dia 23, às 11h30 e 15h. Por meio do tingimento de papéis e criação de diferentes formatos de recortes, a atividade busca estimular o olhar artístico das crianças para a criação de composições com pétalas de papel tingido, inspiradas em paisagens da cidade. Inclusive, na obra Reflectwo – que pode ser vista na exposição Simbiose: A ilha que resiste – a artista Haruka Kojin se inspirou nas flores e paisagens da ilha japonesa de Inujima.

Já no final do mês, em uma ação conjunta com a Toyota e a Pilot Pen, a Japan House São Paulo promove quatro Workshop – Técnicas de desenho para crianças e adolescentes de 4 a 15 anos. As atividades acontecem nos dias 29 (Técnicas de mangá) e 30 (Técnicas de Cartoon) em duas sessões: às 10h e às 15h.

Para quem estiver fora da capital paulista e não puder aproveitar as férias presencialmente na Japan House São Paulo, é possível fazer um tour virtual pelas mostras “Equilíbrio” (Daisy Balloon); “Parade – um pingo pingando, uma conta, um conto”; “Windowology: estudo de janelas no Japão”; “Japonésia” (de Naoki Ishikawa); “DŌ: o caminho de Shoko Kanazawa”; “Embalagens: Designs Contemporâneos do Japão” e “O Fabuloso Universo de Tomo Koizumi”. Os passeios online estão disponíveis no site da instituição em quatro idiomas (português, espanhol, inglês e japonês). Além disso, a Japan House São Paulo disponibilizará em suas redes sociais, vídeos “faça você mesmo” das oficinas Oficina Kuru Kuru Rainbow (dia 11) e Composição com Pétalas de Papel (dia 19) para que os interessados possam acompanhar a preparar suas próprias versões em casa, inclusive, os vídeos trarão recursos de acessibilidade.

Serviço:

Presencial
Exposição “Sopros – designs de vidro japonês”
Térreo
Período: até 6 de março de 2022

Exposição “Edo Glass: técnicas tradicionais de vidro”
Primeiro andar

Exposição “Simbiose: a ilha que resiste”
Segundo andar
Período: até 6 de fevereiro de 2022

Visitas Mediadas
Datas: 12, 14, 19, 21, 26, 28 de janeiro (quartas e sextas)
Horários: 11h30 para “Sopros – designs de vidro japonês” e 15h para “Simbiose: A Ilha que resiste”
Participação mediante retirada de senha 15 minutos antes da atividade
Vagas limitadas 

Oficina Kuru Kuru Rainbow
Data: 9 de janeiro (domingo)
Horários: 11h30 e 15h
Participação mediante retirada de senha na recepção 30 minutos antes da atividade
Vagas limitadas

Oficina Composição com Pétalas de Papel
Data: 16 de janeiro (domingo)
Horários: 11h30 e 15h
Participação mediante retirada de senha na recepção 30 minutos antes da atividade
Vagas limitadas

Oficina Composição com as Paisagens Naturais de São Paulo
Data: 23 de janeiro (domingo)
Horários: 11h30 e 15h
Participação mediante retirada de senha na recepção 30 minutos antes da atividade
Vagas limitadas

Workshop – Técnicas de Desenho
Datas: 29 e 30 de janeiro (sábado e domingo)
Horários: 10h e 15h
Participação mediante retirada de senha na recepção 30 minutos antes da atividade
Vagas limitadas

Ambiente Online
Tours virtuais
Exposições: “Equilíbrio” (Daisy Balloon); “Parade – um pingo pingando, uma conta, um conto”; “Windowology: estudo de janelas no Japão”; “Japonésia” (de Naoki Ishikawa); “DŌ: o caminho de Shoko Kanazawa”; “Embalagens: Designs Contemporâneos do Japão” e “O Fabuloso Universo de Tomo Koizumi”.
https://www.japanhousesp.com.br/tours-virtuais/

Vídeo Oficina Kuru Kuru Rainbow
Data: 11 de janeiro (terça-feira)
Mídias sociais JHSP
Recursos de Acessibilidade

Vídeo Oficina Composição com Pétalas de Papel
Data: 19 de janeiro (quarta-feira)
Mídias sociais JHSP
Recursos de Acessibilidade 

Japan House São Paulo – Avenida Paulista, 52
Horário de funcionamento: terça a sexta, das 10h às 18h; sábados, das 9h às 19h; domingos e feriados, das 9h às 18h.
Entrada gratuita.
Reserva online antecipada (opcional): https://agendamento.japanhousesp.com.br/
As exposições contam com recursos de acessibilidade.
※Devido ao coronavírus, a instituição opera com capacidade reduzida. Para mais informações, acesse o site da Japan House São Paulo.

Confira as mídias sociais da Japan House São Paulo:

Site: https://www.japanhousesp.com.br
Instagram: https://www.instagram.com/japanhousesp
Twitter: https://www.twitter.com/japanhousesp
YouTube: https://www.youtube.com/japanhousesp
Facebook: https://www.facebook.com/japanhousesp
LinkedIn: https://www.linkedin.com/company/japanhousesp

Sobre a Japan House São Paulo (JHSP)
A Japan House é uma iniciativa internacional com a finalidade de ampliar o conhecimento sobre a cultura japonesa da atualidade e divulgar políticas governamentais. Inaugurada em 30 de abril de 2017, a Japan House São Paulo foi a primeira a abrir suas portas, seguida pelas unidades de Londres e Los Angeles. Estabelecida como um dos principais pontos de interesse da celebrada Avenida Paulista, a JHSP destaca em sua fachada proposta pelo arquiteto Kengo Kuma, a arte japonesa do encaixe usando a madeira Hinoki. Desde 2017, a instituição promoveu mais de trinta exposições e cerca de mil eventos em áreas como arquitetura, tecnologia, gastronomia, moda e arte, para os quais recebeu mais de dois milhões de visitantes. A oferta digital da instituição foi impulsionada e diversificada durante a Pandemia de Covid-19, atingindo mais de sete milhões de pessoas em 2020. No mesmo ano, expandiu geograficamente suas atividades para outros estados brasileiros e países da América Latina. A JHSP é certificada pelo LEED na categoria Platinum, o mais alto nível de sustentabilidade de edificações; e pelo Bureau Veritas com o selo SafeGuard – certificação de excelência nas medidas de segurança sanitária contra a Pandemia de Covid-19.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *