Japan House São Paulo Promove Lives Gratuitas Sobre Os Bastidores Do Esporte

Japan House São Paulo Promove Lives Gratuitas Sobre Os Bastidores Do Esporte

Encontros virtuais com designers e artistas que participaram das Olimpíadas e Paralimpíadas de Tóquio 2020 serão realizados nos dias 11 e 18 de novembro, e 9 de dezembro, às 20h, no canal do YouTube da instituição

Explorando conteúdos sobre tecnologia, criatividade, arquitetura, ciência, esportes, entre outros temas ligados à cultura japonesa, a Japan House São Paulo realiza o projeto “Criadores”, uma série de bate-papos virtuais com profissionais da música, design e artes que atuaram nos bastidores dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio 2020. Sempre com mediação do jornalista Marcelo Duarte, todos os eventos do projeto contam com tradução simultânea em português e japonês.

A próxima live, no dia 11 de novembro, às 20h, reunirá o designer japonês Sota Yamaguchi, responsável pelo design dos uniformes da cerimônia de vitória utilizados por aproximadamente 11 mil pessoas, entre staff e voluntários dos jogos; e Walter Rodrigues, atual coordenador do Núcleo de Pesquisa e Design do Salão de Inovação, Sustentabilidade e Design Inspiramais. Na conversa, os designers comentarão sobre o processo criativo e o pensamento em relação a sustentabilidade nas suas produções para a criação dos modelos.

Na sequência, no dia 18, às 20h, o artista japonês Asao TOKOLO comenta sobre a criação do design do podium e do emblema de Tóquio 2020, inspirados no padrão kumi ichimatsu (quadriculada). Além disso, TOKOLO buscou atender uma das principais bandeiras desses jogos, que foi a sustentabilidade e a conscientização ecológica, utilizando plástico reciclado em todas as partes que compuseram o pódio.

Encerrando esta primeira fase do projeto “Criadores”, no dia 9 de dezembro, o convidado é o compositor e professor da universidade de música de Tóquio, Naoki Sato, selecionado para realizar pela primeira vez uma nova composição da música de vitória dos jogos olímpicos e paralímpicos, que até então só recebia arranjos diferentes. Para enriquecer o evento, Sato conversa com o brasileiro Jaques Morelenbaum, violoncelista, produtor, arranjador e compositor.

A série de lives gratuitas do projeto “Criadores” com temas ligados ao mundo esportivo fazem parte da programação paralela do “Lounge Esportivo: Tokyo 2020”, exposição que esteve em cartaz na instituição nipônica até 12 de setembro, sobre os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio 2020.

Serviço:

Projeto Criadores – Live Sota Yamaguchi e Walter Rodrigues

Quando: 11 de novembro, às 20h

Onde: Canal do YouTube da Japan House São Paulo

Tradução simultânea japonês e português

Projeto Criadores – Live Asao TOKOLO

Quando: 18 de novembro, às 20h

Onde: Canal do YouTube da Japan House São Paulo

Tradução simultânea japonês e português

Projeto Criadores – Live Naoki Sato e Jaques Morelenbaum

Quando: 9 de dezembro, às 20h
Onde: Canal do YouTube da Japan House São Paulo
﷟HYPERLINK “https://www.youtube.com/channel/UCYOtrUAlcPXNeRs5B_4GInA”
Tradução simultânea japonês e português

Japan House São Paulo – Avenida Paulista, 52

Horário de funcionamento: 

Terça a sexta-feira, das 10h às 17h

Sábados, domingos e feriados | das 9h às 18h

Entrada gratuita

※Devido ao coronavírus, estamos funcionando com capacidade reduzida. Para mais informações, acesse o site da Japan House São Paulo.

Acompanhe a JAPAN HOUSE São Paulo nas redes sociais:

Site: https://www.japanhousesp.com.br

Instagram: https://www.instagram.com/japanhousesp

Twitter: https://www.twitter.com/japanhousesp

YouTube: https://www.youtube.com/japanhousesp

Facebook: https://www.facebook.com/japanhousesp

LinkedIn: https://www.linkedin.com/company/japanhousesp

Sobre a Japan House São Paulo (JHSP):

A Japan House é uma iniciativa internacional com a finalidade de ampliar o conhecimento sobre a cultura japonesa da atualidade e divulgar políticas governamentais. Inaugurada em 30 de abril de 2017, a Japan House São Paulo foi a primeira a abrir suas portas, seguida pelas unidades de Londres e Los Angeles. Estabelecida como um dos principais pontos de interesse da celebrada Avenida Paulista, a JHSP destaca em sua fachada proposta pelo arquiteto Kengo Kuma, a arte japonesa do encaixe usando a madeira Hinoki. Desde 2017, a instituição promoveu mais de trinta exposições e cerca de mil eventos em áreas como arquitetura, tecnologia, gastronomia, moda e arte, para os quais recebeu mais de dois milhões de visitantes. A oferta digital da instituição foi impulsionada e diversificada durante a Pandemia de Covid-19, atingindo mais de sete milhões de pessoas em 2020. No mesmo ano, expandiu geograficamente suas atividades para outros estados brasileiros e países da América Latina. A JHSP é certificada pelo LEED na categoria Platinum, o mais alto nível de sustentabilidade de edificações; e pelo Bureau Veritas com o selo SafeGuard – certificação de excelência nas medidas de segurança sanitária contra a Pandemia de Covid-19.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *