Santo André é líder em saneamento básico entre as maiores cidades do ABC

Santo André é líder em saneamento básico entre as maiores cidades do ABC

Ranking do Instituto Trata Brasil avaliou abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto nas 100 cidades brasileiras com maior população

 Santo André tem o melhor saneamento básico da região do ABC. A informação está em estudo do Instituto Trata Brasil, que avalia os indicadores de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto dos 100 maiores municípios do país, que concentram aproximadamente 40% da população brasileira.

O trabalho é divulgado anualmente em celebração ao Dia Mundial da Água e considera os dados mais recentes do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), referentes ao ano de 2020.

Os resultados da cidade têm melhorado ano a ano, principalmente após a concessão dos serviços de água e esgoto para a Sabesp, em acordo celebrado em 2019. Naquele ano, com dados de 2017, a cidade estava na posição de número 50 no ranking. Agora, Santo André aparece na posição 32, à frente de outros municípios da região.

O Instituto avalia a situação nos 100 municípios brasileiros com maior população. Considerando este critério, o ABC tem quatro cidades. Santo André lidera a lista, seguida de Diadema (40º), Mauá (48º) e São Bernardo (49º).

“A Sabesp executa um grande pacote de obras para garantir o abastecimento e colocar fim à falta d’água crônica que vários bairros viviam há décadas. Este foi mais um compromisso com a nossa gente que tiramos do papel, garantindo melhor qualidade de vida, saúde e respeito ao meio ambiente. Liderar este ranking na região é a consolidação de Santo André como referência em políticas públicas de qualidade. Este trabalho não vai parar. Vamos melhorar ainda mais”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

Entre as intervenções realizadas nos últimos três anos estão a implantação de novas adutoras e a ampliação das redes de água.

Além disso, a Sabesp executa obras de coleta de esgoto que vão elevar o tratamento de efluentes do município de 42% para 75%. Esse trabalho também está melhorando as condições de córregos, levando mais qualidade de vida para os moradores.

O contrato de 40 anos prevê que os investimentos da Sabesp em Santo André serão superiores a R$ 900 milhões durante o período.


| Texto: Anderson Afonso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *