Bandeira Azul analisa certificação de praias e marinas brasileiras

Bandeira Azul analisa certificação de praias e marinas brasileiras

Programa Bandeira Azul, da instituição organização internacional não-governamental e sem fins lucrativos Foundation for Environmental Education (FEE), está analisando as certificações de praias e marinas brasileiras para a temporada de verão.

Com o intuito de promover o desenvolvimento sustentável em áreas de água doce e marinhas, o programa certifica 24 atrativos naturais do país com o selo ecológico, que leva em consideração fatores como: qualidade da água com exames periódicos de balneabilidade, além de infraestrutura, segurança, acessibilidade e o compromisso das comunidades com o meio ambiente e a sustentabilidade dos destinos turísticos.

Neste ano, 18 praias e marinas já foram pré-aprovados pela comissão julgadora, que é composta pelo Ministério do Turismo, ministérios da Educação e do Meio Ambiente, a Secretaria do Patrimônio da União, a Associação Náutica Brasileira, a Agência Brasileira de Gerenciamento Costeiro, a Fundação SOS Mata Atlântica e a Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático.

Além das 18 praias, 13 praias e seis marinas estão concorrendo para a manutenção do título; e cinco novas praias, localizadas em Santa Catarina, uma na Bahia e uma no Rio de Janeiro, poderão receber o selo, que será divulgado no mês de outubro, a princípio.

Bandeira Azul

Sendo um importante título ecologico, a Bandeira Azul incentiva as autoridades locais a desenvolverem projetos e cuidar com mais afinco de assuntos como: qualidade da água, gestão ambiental, educação ambiental e segurança. Dessa forma, a FEE pretende estimular o crescimento do turismo e a preservação ambiental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *