Em novo formato e com temática feminina, ‘Bosque Old Cars’ registra número recorde de expositores

Em novo formato e com temática feminina, ‘Bosque Old Cars’ registra número recorde de expositores

Ao longo das 8 horas de atividades – das 9h às 17h – no último domingo (06/03), passaram pelo Bosque do Povo, em São Caetano do Sul, 315 veículos

Dando a largada a uma programação especial para celebrar o Mês da Mulher, a Secretaria Municipal de Cultura de São Caetano do Sul (Secult) realizou no último domingo (06/03) o Bosque Old Cars, encontro mensal de carros antigos e estilizados para expositores e apreciadores de todas as idades.

 

Recorde absoluto de participação, ao longo de todo o evento passaram pelo local 315 expositores. Foram aproximadamente 100 profissionais envolvidos, entre convidados, artistas, equipe técnica e de suporte (backstage), food truckers e apoiadores culturais. A ação também arrecadou cerca de 280 quilos de alimentos, que serão destinados ao Fundo Social de Solidariedade do município.

Entretenimento e informação

Em novo formato, com temática voltada à representatividade feminina no ramo automotivo e automobilístico, o evento teve shows ao vivo com bandas da cidade, food trucksquick massage gratuita, produtos exclusivos da Casa do Artesão, estandes promocionais com itens retrô e antiguidades, brindes. Além, é claro, de centenas de belos e raros exemplares dos possantes que encantam gerações.

“Unimos diversas micro ações em uma macro ação com entretenimento e informação, gerando fundamentalmente bem-estar e qualidade de vida às pessoas. A cultura é isso. E tornar temática uma ação que é tradicional na cidade, como o Bosque Old Cars, com diversas atrações e atividades que não são fundamentalmente ligadas aos carros, diversifica e atrai outros públicos”, evidencia o secretário de Cultura, Érike Busoni. “Além disso, direta e indiretamente, estamos gerando trabalho e renda para artistas, equipe técnica, empresários do nicho e movimentando o comércio local”, conclui.

Fomento à cultura

A Dança do Leão, uma das atrações do Bosque Old Cars direcionada ao público infantil e infanto-juvenil, foi contemplada no edital da Secult com recursos provenientes da lei federal Aldir Blanc, de auxílio emergencial à cultura (n. 14.017/2020). Segundo a proponente do projeto, Elisabete de Souza, da Associação Tan Lan de Kung Fu, “tivemos poucas oportunidades ao longo dos 42 anos da escola – 38 deles em São Caetano do Sul – de mostrar o lado cultural da arte marcial, que vai muito além da luta. E esta foi uma delas: além de apresentar e enaltecer a milenar cultura chinesa, o auxílio veio para ajudar a manter a equipe (são nove pessoas envolvidas no projeto) e os nossos equipamentos”, explica.

Empreendedorismo feminino

Ganhadora do Prêmio Sebrae Mulher Empreendedora 2018, a pin up Jordana Donni (@jordanadonni) é estilista e empresária. Segundo Jordana, que escolheu a cultura vintage e retrô como estilo de vida, as pin ups estão adquirindo mais espaço no mercado custom: “Uma exposição de carros antigos é um ambiente predominantemente masculino. E é parte do meu trabalho incentivar toda a família a participar de eventos como este para que a mulher seja mais respeitada no meio”, defende.

Mecânica desde os 16, aos 26 anos, Andréia Justos (@andreiajustos), da Queens of Engine, atende exclusivamente ao público feminino. Ela abriu um processo seletivo com o objetivo de contratar somente funcionárias para trabalhar em sua oficina: “Minha ideia é ministrar um curso de mecânica básica para iniciantes e um outro em nível intensivo para quem já tem algum conhecimento no ramo. A aluna que mais evoluir, apresentar mais desenvoltura, vou convidar para trabalhar comigo”, diz.

A influenciadora digital Marina Renault (@marina_renault), acompanhada de sua BMW E36 branca, a “Ratinha”, conta que: “A Ratinha me abriu as portas para o digital, por intermédio dela me tornei influenciadora. E é muito bom saber que, de alguma forma, inspiramos mais mulheres a se interessar, a ingressar nessa área. Porque muitas gostam, mas têm medo de participar, existe muito preconceito ainda. E o meu papel é apoiar, enaltecer a mulher nesse rolê. Afinal, a paixão por carros é o que nos move”.

Acompanhe a programação especial do Mês da Cultura Feminina em São Caetano do Sul pelo site: cultura.saocaetanodosul.sp.gov.br.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *